O animal satisfeito dorme (Guimarães Rosa)

domingo, 8 de novembro de 2009

Fim? Início

No dia 14 de março, num sábado, desse ano escrevi meu primeiro texto do blog Filosofia Tática, neste texto falei do meu objetivo em criar o blog, que consistia em avaliar as partidas de futebol, no dia seguinte, fiz uma análise do jogo entre Flamengo 1 x 1 Tigres, pelo Campeonato Carioca, e desde então venho analisando diversas partidas.

Em minha primeira observação de jogo observei apenas a plataforma tática e disposição do Flamengo, a movimentação básica de alguns jogadores e só, e daí em diante fui acrescentando sempre algo a mais em cada análise.

É verdade que cometi muitos erros, erros absurdos, avaliações de jogo ridiculas e mal entendimento do que é o futebol.

Minha observações não se baseavam em criterio algum, logo, não eram constantes e padronizadas.

Percebendo que estava indo para o lado negro da força decidi parar, não acompanhei mais o blog do Eduardo Cecconi nem o do Carlão, blogs que tinham me despertado a paixão em ver algo a mais no futebol. Passei a me dedicar a ler sobre futebol, primeiro lia textos que encontrava na internet, depois tentei ler todos os posts do Rodrigo Leitão em sua coluna, voltei a pesquisar na internet, tentei formulas meus próprios conceitos, e por último estou tentando baixar as dissertações, monografias, entre outros, dos professores e alunos da Universidade do Porto ao mesmo tempo que continuo pesquisando na internet e acompanhando fontes antigas.

Nesses quase oito meses busquei apenas uma coisa: Entender o futebol. Não consegui, talvez nunca consiga. Consegui, no entanto, atráves de toda essa pesquisa, obter elementos, não meus, que servem para analisar de forma aproximada o jogo de futebol, bem como, entender um pouco melhor esse complexo jogo.

O post de hoje não fecha um ciclo, de maneira alguma, ele apenas vai aumentar esse ciclo, as pesquisas continuam e o estudo permanece, só que com melhorias, com evolução positiva.

Além disso, pretendo juntar todo esse conhecimento, de vários autores diferentes, e fazer um livro, para abrir o conhecimento do futebol para todo o Brasil, com isso, não precisaremos mais importar conhecimento, nós é que o exportaremos.

Nenhum comentário: